terça-feira, novembro 29, 2011

Agendas

Quem como eu tem 1300 coisas para fazer no mesmo dia, e prima pela organização, tem de ter em prática uma metodologia qualquer que lhe permita ter o dia / semana ou o mês organizado. A melhor forma que encontrei foi a de manter organizada (e actualizada) a minha agenda pessoal.

Nas minhas agendas há traços ou marcas que as tornam únicas. O uso da cor e o que está escrito nas mesmo são bons exemplos disso. Uso e abuso. Gosto de agendar todos os eventos que tenho programados para um determinado dia e tentar perceber como vou ser capaz de me desdobrar naqueles eventos em que há sobreposição de horários. Dão-me água pela barba. E assumem o incontornável estatuto de grandes desafios se se souber que não é de todo possível alterar ou re-agendar horários. Falo por exemplo das consultas dos médicos ou dentistas que invariavelmente têm lugar no horário de expediente.

Obviamente que não é qualquer agenda que me serve. Foram sempre necessários 6 meses para escolher a agenda que me satisfizesse. O que significa que durante meio ano comprava outras agendas, como que para me convencer que tinha uma agenda daquele mesmo ano, mas sempre com o olho em novas alternativas. Até que surgiu a possibilidade das agendas electrónicas.

A agenda electrónica permite um tipo de organização próxima daquela que a PIDE tinha dos ficheiros dos comunistas. Organização máxima. Mais. Não há um limite temporal ou de uma agenda que termine no dia 31 de Dezembro desse ano (normalmente ainda há a possibilidade de ter mais 2 ou 3 dias do início do ano seguinte). Ou seja, posso programar um jantar, às 2010H do próximo dia 23 de Setembro de 2032 (ver se não me esqueço de ver em que dia da semana calha). Posso também continuar a adicionar as minhas tão importantes notas na parte posterior da folha por forma a que nada me escape. E fazer bonecada.

Como nota final, tenho de confessar que é necessária uma enorme disciplina e força de vontade em manter uma agenda actualizada. Não é qualquer pessoa que o consegue. Aliás, em cada 10 pessoas que conheço, 4 usam uma agenda. E dessas 4 pessoas, duas preferem usar a agenda do e-mail. É uma boa alternativa, na medida em que as pessoas têm de ligar todos os dias o computador. Assim mantenham actualizada a mesma, parece-me igualmente uma excelente forma planeamento.

Próximo Tema: Mealheiros

Sem comentários: