domingo, novembro 01, 2015

As raças de cães potencialmente perigosas


A escolha destas 7 raças como "Potencialmente Perigosas" é discutível. Muito mesmo. Aliás, 3 das raças (i.e. terriers) são usualmente resgatadas pelas Autoridades a indivíduos sem escrúpulos que os submetem a lutas ilegais. Esta é uma daquelas discussões que tem lugar há muito tempo e que, pessoalmente, entendo como estéril. A perigosidade de determinada raça tem uma correlação directa com o adestramento e condições em que determinado cão vive. Um pastor alemão poderá facilmente integrar esta lista se estiver 3 semanas preso com um grilhão ao pescoço e a ser continuamente apedrejado. Ou se estiver regularmente presente em duelos com outros cães. Seria importante (e útil) que de uma vez por todas a Ordem dos Veterinários desmistificasse esta falácia e clarificasse a opinião pública menos informada. Não há cães perigosos. Há sim donos perigosos. (Teaser: Se o Rottweiller é uma raça potencialmente perigosa porque razão é tão utilizado pela GNR?) smile emoticon

Sem comentários: