domingo, novembro 08, 2015

Travão na Privatização da TAP

in"Público" (08-Nov-2015)

O PS voltará atrás na privatização da TAP. Pelo menos é o que pretende o programa de Governo que o PS está a discutir.

De acordo com o documento, "o governo não permitirá que o Estado perca a titularidade sobre a maioria do capital social da TAP". O actual Executivo, de Passos Coelho, assinou um contrato de promessa de compra e venda de 61% da TAP.

O PS sempre disse ser contra a venda maioritária da companhia aérea. Agora, diz que, se for Governo, encontrará "formas – designadamente através de uma efectiva acção junto das instituições europeias e do mercado de capitais – de capitalizar, modernizar e assegurar o desenvolvimento da empresa, ao serviço dos portugueses e de uma estratégia de afirmação lusófona". Não se refere como se porá fim ao acordo já existente.

Mas privatização é algo banido neste programa. "Este caminho de privatização é rejeitado neste Programa de Governo, garantindo-se que não se fará nenhuma nova concessão ou privatização". E é também por isso que o PS quer travar o processo de privatização da EGF e qur reverter as fusões de empresas de água que "tenham sido impostas aos municípios.
(...)

Este será (um dos piores) erros cometidos e elencados no Programa Eleitoral apresentado pela Coligação de Esquerda. Veremos qual o preço da factura que irá ser pago pelos Portugueses...

Sem comentários: