quinta-feira, dezembro 31, 2015

Adeus 2015

E cá estamos mais uma vez. Final do ano de 2015. O ano em que perfiz a (tão emblemática) idade dos 40 anos. E o ano em que muita coisa aconteceu. Umas coisas melhores e outras coisas piores. 
O próximo ano terá de ser necessariamente melhor que este. Deve-se pensar sempre assim. Nunca manter ou baixar o nosso nível de exigência. Melhorar, sempre. Definir ou estabelecer objectivos e metas e superá-los, sempre. E este deverá ser sempre o nosso pensamento neste último dia do ano. Fazer uma retrospectiva daquilo que foi o ano que agora finda e....preparar a excelente entrada naquele que agora chega.
Nos primeiros dias do próximo ano vou também ser tio. Sim, mais uma vez. Ou seja, o meu Afonso vai ter uma mana. Vem em boa altura porque entretanto deixei o "crossfit" e, convenientemente, iniciei o "Krav Maga". É verdade. E é bom que assim seja. Porque na altura em que a minha sobrinha começar a sair à noite (por volta dos 29 anos)...o tio irá com todo o gosto com ela. Espero nessa altura já ter aprendido alguma coisa. Para a defender, claro. Boas entradas e um excelente ano de 2016!!

domingo, dezembro 27, 2015

Aumento do Salário Mínimo Nacional

Como é lógico, o actual Governo vai aumentar o salário mínimo nacional para que seja paga a dívida do BANIF e a reversão do processo de venda da TAP. Com as mentiras que se descobrem todos os dias (e as que estão por descobrir) não tarda temos por cá um salário mínimo nacional mais elevado que o do Luxemburgo!! Nota: Para quem vive em Marte sou a informar que naquele Estado Membro este valor ronda os 2.000€ 

domingo, dezembro 20, 2015

Entrevista do Ex-PM

Assisti nesta semana que hoje termina à 2ª parte da entrevista feita ao nosso ex-PM. Refiro 2ª parte porque infelizmente não me lembrei que tinha tido lugar a 1ª parte na véspera. Mas estou em crer que o registo seguido não deverá ter sido muito diferente.
Já afirmei em público e faço-o aqui de novo para que todos interiorizemos o seguinte: a) O Estado Português vai indemnizar o ex-PM por todo o tempo que este esteve enclausurado e b) Com estas duas entrevistas em "prime hour" ficou marcado o início do seu regresso à vida política. Independentemente do registo de vítima (bem conseguido) e de terem sido proferidas vezes sem conta as palavras "cabala", "injustiça" e "empréstimo-fraternal". Enfim, mais do mesmo. Admiro-me de não ter utilizado também a palavra "narrativa". Tão do seu agrado. Se me permitem, acho que esteve óptimo. Dentro do seu género, bem entendido.
O que me preocupa não é o facto de ele dizer o que diz. É o facto de haver pessoas que "compram" o que é dito. Que idolatram este ex-governante. Que o seguem de forma (quase) religiosa qual líder espiritual.
Pessoalmente, e para concluir esta minha reflexão de hoje, estou muito céptico quanto ao funcionamento do nosso sistema judicial desde que os culpados do caso "Casa Pia" foram colocados em liberdade e os culpados do caso "BPN" conseguiram a liberdade após pagamento de uma caução milionária. Daí que entenda que é tudo uma questão de tempo até que as minhas duas afirmações que referi anteriormente se concretizem. Estarei cá para ver.

domingo, dezembro 13, 2015

Candidatos Presidenciais

Tenho acompanhado com confessa curiosidade as intervenções dos vários candidatos a Presidente da República de Portugal. E à semelhança da campanha eleitoral para as Legislativas, sigo com surpresa as intervenções de alguns dos candidatos. Desde o quadrante político mais à esquerda até ao quadrante político de centro-direita.
Não tenho interesse algum em falar de cada um dos candidatos. Seria um exercício complexo, denso e moroso. Em bom rigor, entendo que algumas das candidaturas surgem em consequência do direito que assiste qualquer cidadão português, com mais de 35 anos (entre outros requisitos) de se apresentar a votos para ser o Presidente de todos os Portugueses.
É natural que a minha atenção esteja focada no candidato que vem do quadrante político mais à Direita. Outra coisa não seria de esperar. Mas tenho reservas quanto ao mesmo. Noto uma distância planetária em termos intelectuais. Não tem qualquer opositor possível nesse campo. O facto de ter entrado em nossas casas durante muitos anos, enquanto comentador, também lhe concede uma primazia inigualável em sede de projecção e/ou mediatismo. E isso poderá ser um factor preponderante nas urnas. Afinal os Portugueses estão habituados a "jantar" com ele.
Mas há um senão. Como em tudo. A ser efectivada a vitória, perder-se um excelente comentador televisivo e um académico brilhante (diz-me que já teve a felicidade de o ter como docente). Além de politicamente não ter tido sempre bons resultados. Espero que cumpra bem o papel a que se candidata. E que tenha um papel apaziguador nos vários pontos de discórdia que existirão.

domingo, dezembro 06, 2015

Cidadãos acima da Lei

Veio a público há dias a notícia de um incidente em que esteve envolvido uma viatura utilizada por um ex-governante. Por razões óbvias opto por não identificar o mesmo mas, recomendo a quem fôr mais curioso(a) que procure nas últimas notícias da semana que agora finda uma notícia alusiva ao tema. 
Se este evento acontecesse comigo ou com qualquer um dos meus seguidores(as)...cidadãos normais, certamente que não seria possível escrever este artigo dominical a partir de casa. Talvez o fizesse a fazer a partir da um terminal informático qualquer da sala de "internet" de uma prisão.
É precisamente aqui que acho que a nossa sociedade peca. Os exemplos devem vir de cima. Mais uma vez, este ex-governante consegue descredibilizar/desautorizar todo o sistema judicial português ao ordenar ao seu motorista que abandone o local de um incidente. Estou curioso para ver qual será o final deste filme. Embora já o conheça. Infelizmente.